5 de set de 2013

Salve, Beto Bittencourt - bonequeiro



Artista Maranhense, Beto Bittencourt (Humberto Henrique Bittencourt) nasceu em Pinheiro-MA, em 05 de setembro de 1962, mas foi em São Luís que passou a maior parte de sua vida, dedicada inteiramente à arte, ao teatro e aos bonecos. Morreu em 15 de agosto 1999.
Ator, circense e bonequeiro, Beto soube conviver com os bonecos, doou a vida para a arte de cria-los, tornando-se uma referência profissional. Nas apresentações de seus espetáculos, gostava de exagerar na fala, tornando-a lúdica. Iniciou sua trajetória artística como ator no Laborarte, onde atuou em diversos espetáculos. Depois, juntamente com os atores Gílson César (mímico), Sandra Cordeiro e Silvana Cartágenes fundou a Cia. Circense de Teatro e Bonecos. Logo depois, fundou a própria cia, com  a qual montou diversos espetáculos de bonecos e teatro de animação, tornando-se referencia desse gênero teatral, tendo, inclusive apresentado-se em palcos europeus.
Um de seus projetos (um verdadeiro sonho que a morte prematura não permitiu realizar) era a montagem do espetáculo épico "Um bibelô sobre o Atlântico", a sua interpretação poética da fundação de São Luís.
Antes de morrer, Beto pediu a sua irmã que doasse todo o seu elenco (os bonecos de que tanto gostava) ao Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho que acolheu 100 bonecos doados pela família. Assim, o trabalho de Beto Bittencourt ou Beto Bonequeiro, como também ficou conhecido, está disponível para o público que o aclamou e para os que desejam conhecer o seu trabalho. O anfiteatro do Centro de Criatividade Odylo Costa,filho, na Praia Grande/Centro Histórico, foi batizado em homenagem ao saudoso bonequeiro Beto Bittencourt 

2 comentários:

  1. Obrigado por postar essa matéria sobre o Beto, me ajudou a conhecer mais sobre esse incrível artista. abraços

    ResponderExcluir

LEIA, COMENTE, E DIVULGUE!