6 de jan. de 2021

A Coisa - Mario Quintana

 A Coisa

A gente pensa uma coisa, acaba escrevendo outra e o leitor entende uma terceira coisa... e, enquanto se passa tudo isso, a coisa propriamente dita começa a desconfiar que não foi propriamente dita.
- Mario Quintana, in: Caderno H, (1945-1973), Porto Alegre: Editora Globo, 1973.
Foto/ilustração: Mario Quintana, por Aradium


2 de jan. de 2021

Ano Novo chinês em fevereiro

2021 ano do boi. O Ano Novo chinês só começará em 12 de fevereiro de 2021.

De acordo com o horóscopo chinês, o Boi (Búfalo) é o signo do zodíaco que governa durante todo o ano lunar chinês, que só termina em 31 de janeiro de 2022.


.

Ano Novo. Santificado seja!

a  estrada é looonga e o trânsito é livre; 
mas, e as curvas? e as curvas?....

Ano Novo. Ano Bom!

 "- E a tua alma? Para onde julgas que foi?

- Deve andar errando pela terra como tantas outras, à procura de vivos que rezem por ela. talvez me odeie pelos maus tratos que lhe dei, mas isso agora já não me preocupa. Descansei do vício dos seus remorsos. (...) Quando me sentei para morrer ela pediu que me levantasse e continuasse a arrastar a vida, como se ainda esperasse algum milagre que me purificasse das culpas. Nem sequer tentei (...) E abri a boca para que se fosse embora. E foi-se. Senti quando me caiu nas mãos o fiozinho de sangue com que estava amarrada ao meu coração."

(Juan Rulfo, em "Pedro Páramo", no livro "Juan Rulfo. Obra reunida".. [tradução Rui Lagartinho, Sofia Castro Rodrigues e Virgílio Tenreiro Viseu; revisão Maria aida Moura]. Lisboa: Edições Cavalo de Ferro, 2010.)

"Pedro Páramo é uma das melhores novelas das literaturas de língua hispânica e provavelmente da literatura universal" - Jorge Luís Borges, in "Biblioteca pessoal".

25 de nov. de 2020

Feliz Ano Novo! Amém, Axé, Saravá!

Edgar Morin e a poesia da vida

“Pra mim, o problema da felicidade é subordinada àquilo que chamo de “O problema da poesia da vida” ou seja, a vida, a meu ver, é polarizada entre a prosa-ou seja, as coisas que fazemos por obrigação, que não nos interessam, para sobreviver e a poesia–o que nos faz florescer, o que nos faz amar, comunicar. E é isso que é importante.
Vídeo: “Edgar Morin – O caminho: para o futuro da humanidade”. Fronteiras do Pensamento. 2011.
Fonte:https://www.revistaprosaversoearte.com/edgar-morin-e-a-poesia-da-vida/

14 de nov. de 2020

12 de nov. de 2020

Dia Nacional da Liberdade



O Dia da Liberdade ou Dia Nacional da Liberdade foi instituído no Brasil através da Lei nº 13.117, de 7 de maio de 2015. 
A data já era comemorada nos Estados de Minas Gerais[2] e do Rio de Janeiro. O Dia Nacional da Liberdade remete à data do batismo de Joaquim José da Silva Xavier (12 de novembro de 1746).
Fonte:https://pt.wikipedia.org/

9 de nov. de 2020

Oficina com Claudio Marconcine

Oficina com dicas pra organizar o portfolio.

Eu vou fazer, pra organizar o meu portfoLIO!




17 de set. de 2020

4 de ago. de 2020

Filme The Best Friend "O Amigão"


Filme The Best Friend - O Amigão
Direção: João Ubaldo de Moraes
Produção: Guarnicê Produções
Elenco: Gílson César: Mão brasileira
Lio Ribeiro: Mão EUA e Mão-amigão (Na época eu ainda usava o nome artístico de Carlinhos Ribeiro)
Tempo: 6:27
Ano: 1984 - São Luís-MA
Originalmente filmado em Super 8, o filme “The Best Friend”, O Amigão e revelou-se um enorme sucesso. Ganhou os dois mais importantes prêmios da VIII Jornada de Cinema do Maranhão: melhor filme maranhense do júri técnico e melhor filme do júri popular.

20 de jul. de 2020

Lio Ribeiro no youtube? tem, sim, senhor!!!

Lio Ribeiro no youtube? tem, sim, senhor!!!
https://www.youtube.com/channel/UC21heT6vg2FhfIYDxHOfi5w

8 de jul. de 2020

Antiga Benção Nahuatl

"...Eu entendo a mim mesmo, porque só eu vivi e experimentei minha história; 
porque me conheço, sei quem sou, o que eu sinto, o que eu faço e por que faço. 
Me respeito e me aprovo. 
Eu honro a Divindade em mim e em você...
Somos livres." (trecho final de Antiga Benção Nahuatl-por: Dai Leiton)

12 de jun. de 2020

Hino a Sto Antônio-Intérprete: Maria Bethânia

Salve, Glorioso Santo Antônio!!!
Hino a Santo Antônio - Intérprete: Maria Bethânia

1 de jun. de 2020

MPM Web Rádio – A Música do Maranhão o Tempo Todo


Além de sucessos atuais, clipes, entrevistas e programas de segmentos específicos, a programação da MPM Web Rádio está recheada de clássicos da música popular produzida no Maranhão em todos os tempos. 

O ouvinte confere muita música boa, promoções, eventos e notícias. A rádio conta ainda com com locutores on line interagindo com recados e chat. A emissora é uma iniciativa dos músicos Josias Sobrinho e Chiquinho França. 
Confira a programação no site:
MPM Web Rádio – A Música do Maranhão o Tempo Todo
https://mpmwebradio.com/

20 de mai. de 2020

17 de mai. de 2020

Substâncias x Misturas-Confira dicas do canal Química Fácil do Prof. Dr. Rogério Teles

Química é Fácil é o canal do Prof. Dr. Rogério Teles no youtube.
O canal Química é Fácil está recheado de aulas e informações sobre Química, abordando os conteúdos de Ensino Médio e Graduação.
Prof. Dr. Rogério Teles, Doutor em Química Orgânica (UFPB), Mestre em Química Analítica (UFMA), Especialista em Educação Ambiental (IFMA) e em Administração Escolar (Universo-RJ), além de ser graduado em Química Industrial e em Química Licenciatura, pela UFMA.
Confira:

3 de abr. de 2020

Hino da Canalha – Affonso Romano de Sant’Anna


Hino da Canalha – Affonso Romano de Sant’Anna


A canalha se ajuntou de novo, a canalha!
Em torno da mesma mesa e toalha
E acanalhando-se outra vez
Acanalhou-nos a todos, a canalha!

A canalha é ávida e inquieta, a canalha!
tem a audácia do corvo e a avidez da gralha,
com bico de urubu fuça a mortalha,
a canalha não larga o osso, a canalha!

No jogo do faz-desfaz, a canalha
nos  mantém no fio da navalha,
vive brincando com o fogo
e sai rindo da fornalha, a canalha!

Achincalha tudo o que toca, a canalha!
E ela nuca tarda e nunca falha,
sabe onde semeia e amealha,
mistura o trigo com a palha, a canalha!

Trabalha em silêncio, a canalha!
E  pode ter cara jovem ou grisalha.
De novo vão fazer o banquete
e nos jogar a migalha, a canalha!

A canalha não tem ética, a canalha!
Mostra os seus brasões e medalhas,
guarda os cofres na muralha
e faz da história uma bandalha, a canalha!

Diante dessa canalha
não sei se é melhor falar direto
ou se a metáfora atrapalha.
Bato no meu poema ou cangalha
e denuncio à minha gente a gentalha.

Pudesse fugir, fugia
para Pasárgada, Maracangalha,
Diante dessa canalha
Valha-me Deus!
e o próprio demônio valha!
In: SANT'ANNA, Affonso Romano de . O lado esquerdo do meu peito: livro de aprendizagens. Rio de Janeiro: Rocco, 1992.
Fonte:http://oscarbrisolara.blogspot.com/2013/08/hino-da-canalha-affonso-romano-de.html

Leia. Comente. Passe Adiante.

2 de abr. de 2020

Ode aos Calhordas – Rubem Braga


Ode aos Calhordas – Rubem Braga


Os calhordas são casados com damas gordas
Que às vezes se entregam à benemerência:
As damas dos calhordas chamam-se calhôrdas
E cumprem seu dever com muita eficiência

Os filhos dos calhordas vivem muito bem
E fazem tolices que são perdoadas.
Quanto aos calhordas pessoalmente porém
Não fazem tolices — nunca fazem nada.
Quando um calhorda se dirige a mim
Sinto no seu olho certa complacência.
Ele acha que o pobre e o remediado
Devem procurar viver com decência.

Os calhordas às vezes ficam resfriados
E essa notícia logo vem nos jornais:
"O Sr. Calhorda acha-se acamado
E as lamentações da Pátria são gerais."

Os calhordas não morrem — não morrem jamais
Reservam o bronze para futuros bustos
Que outros calhordas da nova geração
Hão de inaugurar em meio de arbustos.

O calhorda diz: "Eu pessoalmente
Acho que as coisas não vão indo bem
Pois há muita gente má e despeitada
Que não está contente com aquilo que tem."

Os calhordas recebem muitos telegramas
E manifestações de alegres escolares
Que por este meio vão se acalhordando
E amanhã serão calhordas exemplares.

Os calhordas sorriem ao Banco e ao Poder
E são recebidos pelas Embaixadas.
Gostam muito de missas de ação de graças
E às sextas-feiras comem peixadas.(1953)
In: BRAGA, Rubem. Livro de versos. Il. Jaguar e Scliar. Pref. Affonso Romano de Sant'Anna. Posfácio Lygia Marina Moraes. Rio de Janeiro: Record, 1993
Fonte:https://www.escritas.org/pt/t/12128/ode-aos-calhordas
Leia. Comente. Passe Adiante.

6 de mar. de 2020

Exposições no Ateliê Telma Lopes

Exposição permanente de obras realizadas pela artista visual Telma Lopes, utilizando diferentes técnicas, incluindo coleções temáticas sobre meio-ambiente e sustentabilidade. 
Ateliê Telma Lopes 
Endereço: Beco do Silva, 67-Centro Histórico (próximo a Igreja da Sé)