3 de jul de 2014

UFMA abre inscrições para seis cursos gratuitos de cinema

37º Festival Guarnicê abre inscrições para seis cursos gratuitos de cinema
Os cursos são de Roteiro, Montagem, Figurino, Contrarregragem, Curadoria e Montagem: Festivais, Mostras Temáticas e Restrospectivas e Cinema, Quadrinho e Literatura: Singularidades e Intersecções.

Os cursos de Roteiro e Montagem estão com inscrições abertas até 13 de julho e o resultado da seleção será divulgado no dia 17 deste mês. Esses dois cursos serão ministrados das 8h às 12h e das 14h às 18h. 

Já as inscrições para os Cursos de Figurino, Contrarregragem, Curadoria e Montagem: Festivais, Mostras Temáticas e Restrospectivas e o curso de Cinema, Quadrinho e Literatura: Singularidades e Intersecções podem ser feitas até 16 de julho e serão realizados das 8h às 12h.

Para se inscrever gratuitamente os interessados deverão acessar o site: www.cultura.ufma.br/37guarnicedecinema. Todos os cursos terão 25 alunos e serão realizados no Centro Pedagógico Paulo Freire, na cidade Universitária. 
            
A UFMA, em parceria com a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), de Recife/PE e a Escola Pública de Audiovisual Vila da Artes, de Fortaleza/CE, instituições conceituadas nacionalmente, oferece à comunidade os cursos, que são ótimas oportunidades aos maranhenses que querem trabalhar com cinema e e TV. Dos seis cursos, dois terão carga horária de 40 horas e quatro de 20 horas, pensando no público iniciante, mas incluindo os que já têm alguma experiência em cinema.

SAIBA MAIS SOBRE OS CURSOS GRATUITOS DE CINEMA

ROTEIRO (FUNDAJ): O Curso de Roteiro, ministrado por Rodrigo de Oliveira, com 40 horas-aula pretende oferecer ao aluno uma perspectiva geral da função do roteirista no processo de realização de uma obra audiovisual, bem como apresentar-lhe noções introdutórias relacionadas ao processo de criação e estruturação do roteiro de ficção. A abordagem do tema é ao mesmo tempo teórica e prática, tocando em diversas questões enfrentadas por roteiristas diante de uma obra de ficção, seja ela adaptada ou original.

MONTAGEM (FUNDAJ): O Curso de Montagem, ministrado por Virgínia Flores, com 40 horas-aula tem como objetivo apresentar os conceitos de edição e montagem em cinema, TV, novas tecnologias; abordar a temática narrativa, ênfase, ritmo e fluência; discutir sobre elementos e processos da montagem, funcionamento dos softwares de montagem; abordando também a construção do ritmo, o manejo do tempo e a produção de sentidos na obra audiovisual.
 
FIGURINO (Vila das Artes): A oficina abordará a elaboração de figurinos para cinema e artes cênicas. Durante a oficina iremos compartilhar um acervo de textos, filmes e apresentações que compreendem a elaboração de vestuários de diversos estilos. Empregaremos métodos de leitura de roteiro e planos de filmagem, análise técnica, acompanhamento de set e organização de camarim, dentre outros aspectos práticos, bem como técnicas de envelhecimento, tingimento e costura. Themis Memória é graduada em Design de Moda pela Universidade Federal do Ceará, trabalha com direção de arte para obras audiovisuais e artes cênicas, realiza projetos de artes visuais, performance e dirige o espaço cultural Salão das Ilusões (www.salondelasilusiones.com), aprovado em 2012 pelo Edital de Fomento a Iniciativas Empreendedoras e Inovadoras pelo Ministério da Cultura do Brasil.

CURADORIA E MONTAGEM: FESTIVAIS, MOSTRAS TEMÁTICAS, RETROSPECTIVAS (Vila das Artes):  Esta disciplina engloba itens logísticos e conceituais do funcionamento de uma mostra/cineclube. Programa das aulas: 
Aula 1) Pessoas envolvidas e etapas de realização de uma mostra e de um cineclube; 
Aula 2) Visualização de catálogos de diferentes mostras e festivais, com atenção voltada à apresentação das propostas de programas curatorias e filmes. Propor aos alunos que elaborem sugestão de mostra e/ou cineclube. De baixo custo, estilo fanzine; 
Aula 3) Discussão das propostas apresentadas. Apontamentos do professor, mais exemplos e aprimoramento das propostas. Avaliação das propostas. 

Carolinne Vieira é graduada em Letras pela Universidade Federal do Ceará (2005) e graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Estadual do Ceará. Atualmente é oficineira e monitora da ação Cine Mais Cultura (MinC – Governo Federal) e diretora adjunta de Acervo e Difusão do Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiros. Tem experiência em produção na área das Artes Visuais, em especial no audiovisual, com ênfase em curadorias de mostras de cinema, produção audiovisual e cineclubismo (formação de platéia em cinema).

CINEMA, QUADRINHO, LITERATURA: SINGULARIDADES E INTERSECÇÕES (Vila das Artes)
Pedro José Arruda Brandão é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal do Ceará (UFC) com estudos centrados na linguagem das histórias em quadrinhos. Professor de roteiro na Oficina de Quadrinhos da UFC, realiza trabalhos junto a coletivos e ministra aulas de escrita criativa e roteiro para diferentes mídias em vários espaços culturais da cidade de Fortaleza. Vencedor regional de duas edições da Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom) e vencedor nacional da competição na categoria Fotonovela. Também trabalha na área de webwriting e mídias sociais.

CONTRARREGRAGEM: A oficina de Contrarregragem tem o intuito de promover o aprendizado dessa importante área da produção cinematográfica, qualificar e estimular talentos e desenvolver o empreendedorismo aos alunos interessados. Durante a oficina o aluno vai adquirir conhecimentos específicos que o habilitará para uma futura profissionalização No departamento de Arte de produções cinematográficas, televisão, teatro, eventos, linha de shows.   Como produtor, produtor de objetos, assistente de cenografia e ou contrarregra de cinema, televisão, teatro, holding. Este oficina de contrarregragem percorrerá todo o processo da Direção de Arte, desde a criação e desenvolvimento de um projeto até as filmagens e desprodução de um filme. Contrarregragem em televisão e teatro,incluirá exposições sobre a história da produção audiovisual brasileira e a atualidade do mercado. 
Delanir Cerqueira, 38 anos de profissão, tem 60 longas metragens como técnico da Indústria Cinematográfica e do Audiovisual.  Trabalhou em vários filmes de temática negra: A Deusa Negra, de Olá Balogum (1978) Chico Rei, de Walter Lima Jr. (1979) Quilombo, de Cacá Diegues (1983) Massacre de Batepá de Orlando Fortunato – STP- Angola (2009).   Na retomada do cinema nacional participação em Carlota Joaquina, de Carla Camuratti, O Quatrilho, de Fabio Barreto, Mauá, o Imperador e o Rei, de Sergio Resende e Tiradentes, de Oswaldo Caldeira. É autor do livro técnico “Manual do Contrarregra.” 2009. Blog: www.blogdodelanir.blogspot.com.br
DAC/UFMA: 3231 2887 e 3232 33901
Para saber mais, acesse: www.cultura.ufma.br/37guarnicedecinema

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA, COMENTE, E DIVULGUE!